Contador de Visitas

domingo, 2 de junho de 2013

Conferência Mauro Guilherme Pinheiro Koury em Córdoba, Argentina, 2013

KOURY, Mauro Guilherme Pinheiro (2013), Conferência: "A Sociologia e a Antropologia das Emoções no Brasil". In: III Jornadas Cuerpo(s), Subjetividad(es) y Conflicto(s): Hacia una sociología de los cuerpos y las emociones desde Latinoamérica

Parte I
http://youtu.be/2bX8JHh5do0

Parte II
http://youtu.be/ifask43yN1I


***

III Jornadas Cuerpo(s), Subjetividad(es) y Conflicto(s): "Hacia una socio- logía de los cuerpos y las emociones desde Latinoamérica", Córdoba, Ar- gentina

Córdoba, 2013

Con el objetivo de propiciar el encuentro entre diferentes líneas de investigación que indagan sobre algunas dimensiones de las conexiones posibles entre cuerpos y subjetividades, las III Jornadas pretendieron establecer un marco de discusiones y debates que pusieran en interacción diversos Programas y Equipos de pesquisa de nuestra ciudad, como así también del país y América Latina.

El encuentro consistió en dos jornadas completas en las cuales diversos grupos de trabajo de Córdoba, Villa María, Buenos Aires --y la presencia de colegas de Chile y Brasil--, compartieron sus experiencias para dar cuenta de la complejidad del campo de investigación e intervención sobre cuerpos, emociones y conflictos, como así también establecer puentes sobre las indagaciones que vienen siendo realizadas en los últimos años.

La realización del evento buscó darle continuidad a una apuesta colectiva sobre el área de estudios, retomando los ejes trabajados en las I y II Jornadas realizadas en el 2007 y 2009, e institucionalizar las trayectorias trazadas en estos encuentros como así también ampliar las redes de trabajo.
----------------------------------------­----------------------------------------

III Conference Body(ies), Subjectivity(ies) and Conflict(s)
"Towards a sociology of the body and emotions from Latin America"


Córdoba, 2013

In order to encourage the meeting between different research lines inquiring about some dimensions of the possible connections between bodies and subjectivities, these workshops aimed to establish a framework for discussion, debate and interaction between various research Programmes and working groups from our city, as well as the country and Latin America.

The meeting consisted of two full days in which various working groups of Cordoba, Villa Maria, Buenos Aires -and the presence of colleagues from Chile and Brazil- shared their experiences to account the complexity of the field of research and intervention around bodies, emotions and conflicts, as well as building bridges on inquiries that are being made in recent years.

The completion of the event sought to give continuity to a collective commitment on this field of studies, retaking the axes worked on the I and II Conference made in 2007 and 2009, and institutionalize the trajectories traced in these meetings as well as expand networks.

domingo, 5 de maio de 2013

3ª Sessão Sextas no GREM - 16º Fórum GREM 2013





Convidamos a todos/as para a

3ª Sessão do 16º Fórum do GREM - 2013

Sextas no GREM: Seminários de Pesquisa

Tema: O lugar e o tempo das lembranças: A respeito de algumas tecnologias da memória e culturas emocionais entre Ciganos Calon no nordeste do Brasil

Palestrante: Márcio Vilar
(Assistente de Pesquisa do GREM e Doutorando em Antropologia/ Universidade de Leipzig, Alemanha)


Dia: 10 de Maio de 2013
Hora: 14hs
Local: Sala 402 CCHLA


RESUMO DA PALESTRA: Como Ciganos Calon conceitualizam e lidam com aquilo a que se referem como “lembranças”? O que suas formas de lidar com “lembranças” podem revelar a respeito de como se organizam socialmente e o que elas expressam de uma cultura emocional aparentemente distinta da dos não-ciganos, em meio aos quais eles vivem e recriam incessantemente um mundo próprio? Pretendo aqui apresentar uma reflexão exploratória sobre essas questões. Pra tal, primeiramente, relato algumas observações realizadas durante trabalho de campo, realizado, sobretudo, na Bahia e no Rio Grande do Norte, debruçando-me sobre experiências com imagens e expressões emocionais associadas. Em seguida, procuro pensar as apreensões, o lidar e usos de tecnologias da memória imagética, por parte dos Ciganos, particularmente, em contexto de perda, como atos de compromisso e desprezo constitutivos de seus circuitos de trocas totais.



Apoio: DCS/CCS/PPGA/CCHLA/UFPB

segunda-feira, 1 de abril de 2013

Sextas no GREM: Seminários de Pesquisa (Netnografia: Etnografia no Mundo Virtual)



16º Fórum do GREM
1ª Sessão das Sextas no GREM: Seminários de Pesquisa
Próxima sexta feira, dia 05 de abril de 2013
09 horas - sala 402 do CCHLA-UFPB

NÃO PERCA!!!


TEMA: Netnografia: Etnografia no Mundo Virtual

PALESTRANTE: Andréia Martins [Mestre em Antropologia - PPGA/UFPB]

RESUMO: Realizar uma pesquisa qualitativa exclusivamente através da Internet é um desafio recorrente nos últimos anos. Neste trabalho, tencionamos expor os principais pontos que diferem a netnografia - ou seja, a etnografia no virtual - de sua modalidade tradicional e aclamada não só pela Antropologia, mas por várias outras áreas do saber. Buscaremos elucidar alguns pontos tendo a nossa própria experiência como base: uma pesquisa realizada entre 2011 e 2013 sobre os Velórios Virtuais. Abordaremos o processo de desenvolvimento da netnografia, os possíveis modos de agir que podem ser empregados pelo pesquisador, as relações entre pesquisador e informantes, questões ligadas à distância e proximidade e, por fim, alguns noções da ética a ser empregada neste tipo de trabalho. 




sábado, 16 de março de 2013

"Sextas no GREM: Seminários de Pesquisa"


Convidamos a todos/as para a 1ª Sessão do

16º Fórum do GREM - 2013

Sextas no GREM: Seminários de Pesquisa
 
Tema:
Netnografia: Etnografia no Mundo Virtual
 
Palestrante:
 Andréia De Sousa Martins (Mestra em Antropologia/PPGA-UFPB)
 

Dia: 05 de Abril de 2013  -  Hora: 09hs
Local: Sala 402 CCHLA

Apoio: DCS/CCS/PPGA/CCHLA/UFPB

domingo, 3 de março de 2013

MIRIAM LIFCHITZ MOREIRA LEITE - UMA HOMENAGEM!




Miriam Lifchitz Moreira Leite faleceu em 16 de fevereiro de 2013, aos 87 anos de idade na cidade de São Paulo, SP, onde residia. A pesquisa em imagem e, especificamente, da imagem fotográfica, no Brasil perde uma de suas grandes pesquisadoras. D. Miriam possuía graduação em Ciências Sociais (1947), e em Historia Econômica pela Universidade de São Paulo (1983). Fez o seu pós-doutorado pela Eastman Foundation, EUA (1990). Recebeu o Prêmio Jabuti de melhor publicação em Ciências Humanas em 1993, com o livro Retratos de Família. (São Paulo: EDUSP, 1993), um dos marcos da pesquisa em fotografia histórica no Brasil. Era professora aposentada em História Social na USP e, até o seu falecimento, atuou como professora-doutora e assessora em fotografia histórica no Laboratório de Imagem e Som em Antropologia da USP.
Sua reflexão sobre a questão das imagens, principalmente das imagens fixas, fotografia e da memória pode ser considerada um marco nas novas redefinições por que passou e passam as Ciências Sociais e Humanas no Brasil Contemporâneo: seus estudos e pesquisas em fotografia histórica, em memória, em gênero e anarquismo influenciaram muitos pesquisadores nas diversas disciplinas das chamadas humanidades, principalmente nas áreas de História, Antropologia, Sociologia e Psicologia Social.  Sua reflexão tinha/tem a capacidade de provocar outras reflexões e novos olhares, sempre inquietos no retraçar movimentos e caminhos teóricos e metodológicos originais, e no seu projeto formador de novos profissionais: sempre realçando uma ciência solidária e, simultaneamente, plena de angústia por novos caminhos de pesquisa e na ampliação das fronteiras à compreensão das diversas formas de sociabilidades presentes em um social e em um cultural dado.
O GREI - Grupo Interdisciplinar de Estudos em Imagem e o GREM – Grupo de Pesquisa em Antropologia e Sociologia das Emoções do Programa de Pós-Graduação em Antropologia da Universidade Federal da Paraíba, homenageia a figura humana e a grande pesquisadora Miriam Lifchitz Moreira Leite, pesquisadora e amiga, com grandes afinidades e cooperação com o movimento de consolidação dos dois grupos, com participação ativa em publicações na RBSE – Revista Brasileira de Sociologia da Emoção, editada pelo GREM, e em coletâneas sobre fotografia, antropologia visual e memória, coordenadas pelo GREI, bem como, sempre na linha de frente, junto, no processo de consolidação da área de imagem e das emoções nas Ciências Sociais e Históricas no Brasil, desde o seu novo desenvolvimento a partir dos anos de 1990.

terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

Call for Papers / Chamada de Trabalho GT 26 - Antropologia e Sociologia das Emoções REA/ABANNE



Fortaleza, Ceará, Brasil, 04 a 07 de agosto de 2013


CHAMADA DE TRABALHOS/ CALL FOR PAPERS

GT 26 - Antropologia e Sociologia das Emoções na América Latina.
Coordenadores:
Prof. Dr. Mauro Guilherme Pinheiro Koury (UFPB) email: grem@cchla.ufpb;
Profa. Dra. Maria Cristina Rocha Barreto (UERN) email: mcrbarreto@gmail.com;
Profa. Dra. Liuba Kogan (Univ. Del Pacífico, Perú) email: kogan_l@up.edu.pe

Ementa: Este GT 26 pretende discutir as transformações ocorridas nas sensibilidades e sociabilidades cotidianas na contemporaneidade brasileira e latino-americana. O GT de Sociologia e Antropologia das Emoções tem o propósito de reunir pesquisadores em torno de temas transversais em relação às emoções: desde temáticas relacionadas ao sofrimento social, à disciplina dos corpos, aos estudos sobre a tortura na sociedade contemporânea, passando por questões relacionadas à memória social e ao estudo de emoções específicas como a solidão, a exclusão, os sentimentos de perda e medos, assim como os estudos relacionados com os processos de humilhação individual ou coletiva (cultural, social ou política), a vergonha, o ódio, os processos de angústia e depressão; ou ainda estudos que indaguem sobre as questões relacionadas com a problemática da felicidade, do amor, do prazer, da solidariedade, dos processos de amizade, em uma visão interdisciplinar que conecta a antropologia e a sociologia às outras ciências sociais e humanas. Procura-se, também, discutir a utilização das mídias sociais na construção e constituição de laços afetivos, duradouros ou não em um meio de compartilhamento tecnológico. Busca-se, também, possibilitar a discussão acadêmica sobre o significado das emoções compartilhadas através de mensagens, partindo da consideração do espaço sociocultural virtual como um espaço sem limites territoriais e onde uma diversidade de formas sociais de relacionamento, comunicação e expressões assumem o seu alcance na configuração de novas possibilidades de experiências pessoais e sociais. O Grupo de Trabalho tem ainda como objetivo caminhar para a consolidação da área das emoções nas ciências sociais, com a ampliação da rede de estudos e pesquisas em andamento desde os anos de 1990 em Sociologia e da Antropologia das Emoções no Brasil e na América Latina, onde os coordenadores estão envolvidos deste o seu início: rede que vem se alargando e aprofundando mais e mais em encontros regionais como os da ABANNE, CISO; nacionais, nos encontros da ABA, ANPOCS, SBS, e nos internacionais latino-americanos como o RAM e ALAS. Neles têm-se visualizado, cada vez mais, comunicações que utilizam uma análise teórica sobre a relação entre emoções e sociedade, ou uma análise comparativa e teórico-metodológica que procuram compreender e inquirir a relação entre o local-global, macro-micro. O GT em Antropologia e Sociologia das Emoções tem, deste modo, como centro e foco principal, o amadurecimento da área disciplinar das emoções nas ciências sociais, com ênfase na antropologia e na sociologia, e suas interfaces com outros setores acadêmicos que lidem com as emoções, cultura, indivíduo e sociedade.

1.      Os Resumos e Resumos Expandidos devem ser encaminhados para todos os três coordenadores, através dos seus emails acima dispostos, no prazo estipulado abaixo;
2.      Os resumos devem conter: Título; Autor/es (até três máximos]; Marcar o Autor Principal; Titulação Máxima dos autores; email para contato; texto corrido de até 250 palavras; Até 03 palavras-chave;
3.      Os Resumos Expandidos devem conter: Título; Autor/es (até três máximos]; Marcar o Autor Principal; Titulação Máxima dos Autores; Emails para contato; texto corrido de até 2500 palavras; Até 03 palavras-chave;
4.      Os Resumos e Resumos Expandidos devem ser enviados no formato Word; papel A4; margens de 2,5x2,5x3,0x2,5; texto corrido e justificado em TNR 12. Título deve ser em TNR 12, negrito, centralizado. O nome do autor/es deve/m ser colocado à direita, TNR 12, itálico. Os autores devem conter no final de cada nome a instituição a que pertence entre parênteses.
5.      Os Pôsteres devem ser no formato de 1x1,5m, Devem conter o título em negrito, centralizado, TNR 12; O/s autor/es devem ser colocados à direita do texto, um abaixo do outro, em itálico, TNR 12 [lembrar que a instituição e o grau de titulação colocados entre parênteses, com referência a cada nome; subtítulos devem ser à esquerda, em negrito, TNR 12; o corpo de texto deve ser justificado, espaço 1,5cm, conter parágrafos com 1,25 cm, TNR 12; citações internas justificadas, com um recuo de 2 cm à direita, espaço simples, TNR 10; Bibliografia no final do texto deve ser indicada como Referências, espaço simples, espaçamento de 6/6, seguindo as normas da ABNT. Imagens e gráficos devem ser dispostos no interior do próprio texto.
6.      Os trabalhos completos devem ser enviados no prazo estipulado abaixo. Devem conter o máximo de 15 páginas, com título em negrito, centralizado, TNR 12; O/s autor/es devem ser colocados à direita do texto, um abaixo do outro, em itálico, TNR 12 [lembrar que a instituição e o grau de titulação devem ser colocados em pé de página, com referência a cada nome; subtítulos devem ser à esquerda, em negrito, TNR 12; o corpo de texto deve ser justificado, espaço 1,5cm, conter parágrafos com 1,25 cm, TNR 12; citações internas justificadas, com um recuo de 2 cm à direita, espaço simples, TNR 10; Bibliografia no final do texto deve ser indicada como Referências, espaço simples, espaçamento de 6/6, seguindo as normas da ABNT. Imagens e gráficos devem ser indicados no interior do texto e enviados em arquivo separado.
Grade de prazos
INSCRIÇÃO de propostas de trabalhos e pôsteres para os grupos de trabalhos.
18/02/2013 a 31/03/2013
SELEÇÃO das propostas de trabalhos e pôsteres para os grupos de trabalho.
31/03/2013 a 24/04/2013
ENVIO de email pelos coordenadores de GTs para os autores selecionados.
25/04/2013
DIVULGAÇÃO da programação geral do evento
29/04/2013
PRAZO MÁXIMO para o envio dos trabalhos completos, para serem incluídos nos anais do evento.
16/07/2013